Tuesday, September 16, 2008

You will never be forgotten.



Richard William Wright (28 July 1943 - 15 September 2008).

13 comments:

paulo m. said...

Na realidade...
Uma grande perda no panorama musical, um músico de eleição, e ao que consta um bom homem e que trouxe um enorme contributo à música como nós a conhecemos nos dias de hoje!
...e a quem nunca foi dado o devido valor pela importância que sempre teve na progressão do grupo a que pertenceu e cujo nome se mistura com um estilo de música muito própria - como aliás se pode ver nesta "performance": uma participação fenomenal num concerto fora de série!

Até sempre Rick Wright

paulo m. said...

Aditamento ao comentário anterior:
Agora é que os porcos não voltarão a voar, definitivamente!

Binha said...

"Agora é que os porcos não voltarão a voar, definitivamente!"

Não vão voltar a falar daquela gaivota, pois não? É que o casco ainda está em recuperação, e eu parece que também!

Binha said...

Casco? Casaco! Eu não digo?

m.camilo said...

Ao longo da minha vida vi tantos e tantas que se foram que já não me restam palavras suficientes de homenagem. Começo a ficar calejado! É a porra da vida.

paulo m. said...

Camilo: toda a razão, toda a razão, certamente!
Binha: vou fazer de conta que não sei da história da gaivota, uma vez que a observação dos porcos a voar não tem nada a ver com aves....
E assim não me mandam para o canto (aqui também... corre-se o risco de os cantos ficarem todos ocupados)

Edi said...

Ainda bem que as vacas não voam...

Binha said...

Aí não que não voam! Voam e aterram!

Edi said...

Veio um acento a mais no "ai", ou é do akordu ortográfiku?

Bem, e que nunca vi nenhuma voar, isso não...Já vi vacas a fazer muita coisa, agora voar?

Binha said...

Tens razão! É mais levitar!

m.camilo said...

Acabei de tomar conhecimento da morte de um dos elementos dos e.s.t. esbjörn svensson trio.Pelo que entendi pareceu-me ter sido o baterista.
Vi-os há 2 anos na Casa da Música e garanto-vos que foi das melhores coisas que assisti do Jazz nórdico.
Enfim...siga a marinha...

m.camilo said...

Lido algures num blogue...
"Confirma-se a morte de Esbjorn Svensson, um dos pianistas mais interessantes dos nossos tempos na forma como absorvia várias influências e as incorporava no seu jazz - assim como o Brad Mehldau - faleceu na sequência de um acidente de mergulho."
Afinal foi quem deu o nome ao trio...
Convido-vos a dar umas voltinhas pelo Youtube, porque vale a pena ver algum trabalho deste incrível trio...

paulo m. said...

Sim senhor, amigo Camilo! Muito interessante, mesmo! Obrigado pela dica - só é pena serem estes os motivos que lhe deram origem...