Tuesday, September 30, 2008

Self portrait #2

15 comments:

Binha said...

Água com sabão!

Paulo M. said...

Acho que era preciso uma grua, mesmo!
(A feiura é de construção, mesmo...)

Binha said...

Vai começar!

Paulo M. said...

Vai tu!
Por mim podem estar à vontade...

m.camilo said...

Então Filipe, deixas-te ficar assim? Sem resposta? Tch...tch....

filipe m. said...

O que vem de baixo...

Edi said...

Espelho meu, espelho meu...

Binha said...

Juro-te que não foi de baixo! Foi do coração!

Paulo M. said...

Ora bem...
Eu já disse algures: Organizem-se, po*ra!
Esclarecendo:
"Água com sabão!" - só poderia ser para lavar o vidro;
"Acho que era preciso uma grua, mesmo!
(A feiura é de construção, mesmo...)" - é porque conheço o local e não se trata de o vidro estar sujo.... é o prédio que é mesmo feio e o que se vê castanho é um material utilizado para revestir o interior do vidro.
Ou seja: da minha parte não insultei o "dono" da tasca, por isso nada veio de baixo (acho eu).
Agora pergunto: é preciso ir para o canto?

Binha said...

Ó Paulo, ainda bem que existes!
O venenoso do Camilo, agora está a perguntar o que estou a escrever! Mas a gente não lhe diz, pois não?

Paulo M. said...

Quê?
Eu não sei de nada!

Post Scriptum: gostei dessa do ainda bem que existes - ás vezes faz bem ao ego ouvir assim umas palavrinhas doces! Pena não haver "mais gente" a pensar o mesmo...

m.camilo said...

Sooooonhos, sempre só soooonhos,
sooooonhos
Porque o meu soooonho és tuuuuuuu!
ta...na...nnnnnaaaaaaa

Binha said...

Valha-me os deuses!

Binha said...

Shiuuuuuu! Ele não voltou a cantar! Que alívio!

Paulo M. said...

"Valha-me os deuses!"

Chamaram-me?

;D